Pastore Car Collection

ver filtros
Categorias
Fabricante
Ano
Opcionais
Vendido

VW Variant

VW Variant

  • Informações Gerais

    Marca: VW
    Modelo: Variant
    Ano Fabricação/Ano Modelo: 1974/1974
    Cor: Bege Alabastro
    Portas: 2
    Quilometragem: 147.900
    Dimensões - Comp./Largura/Altura (mm): 4326/1630/1430
    Ocupantes: 5

  • Mecânica e Segurança

    Combustível: Gasolina
    Motor: 1.584 cm³
    Potência: 65 CV
    Velocidade Máxima: 135 Km/h
    Câmbio: Manual - 4 Velocidades
    Tração: Traseira
    Aceleração 0-100km/h: 24,6 Segundos
    Freios: Disco Dianteiro e Tambor Traseiro
    Rodas: R15

  • Acessórios/Opcionais

  • Informações Extra

    País de Origem: Brasil

ATENÇÃO! Devido a grande rotatividade em nosso estoque, se faz necessário a consulta diretamente em nossa loja para certificar de que o veículo ainda se encontra sob nossos cuidados. O valor do anúncio deve ser confirmado, pois o mesmo pode ter sido ajustado em nossa loja e ainda não ter sido modificado neste site. Obrigado pela compreensão. Pastore Car Collection.

Observações

Volkswagen Variant 1974/1974 na cor Bege Alabastro. Veículo em bom estado de conservação!

Motor traseiro, 4 cilindros horizontais opostos, 1.584 cm³, refrigerado a ar potência bruta de 65cv a 4.600 rpm e torque de 12 m.kgf a 3.000 rpm

A partir de 1969 a VW começou uma grande ofensiva no mercado, lançando novos modelos na faixa dos carros médios, para concorrer com o novo modelo da Ford, o Corcel, lançado em fins de 1968. O primeiro deles, introduzido em janeiro de 1969, foi o novo sedã 1600, quatro portas, um veículo médio que oferecia maior conforto e maior capacidade de carga à família de classe média que desejava manter-se fiel à marca e à característica do motor traseiro refrigerado à ar. O novo propulsor, de 1584cm³, desenvolvia 58 cv a 4400 rpm e proporcionava ótimo desempenho.
Problemas relacionados ao desempenho do carro impediram sua penetração definitiva junto ao público a que se destinava (apesar de, por sua robustez e eficiência, ganhar a preferência dos motoristas de táxi). Sua fabricação cessou em 1970.

Ainda em 1969 a VW lançou a perua Variant, veículo baseado no sedã quatro portas 1600.
Utilizava também propulsor 1600, mas com carburação dupla e ventoinha horizontal (motor plano), o que diminuía a altura necessária para o motor. Assim, na parte traseira do veículo, sobre o motor, havia ampla área de carga, complementada por outra no porta-malas dianteiro.

Esse veículo destinava-se a disputar a vaga deixada pela Vemaguet com a Belina da Ford (apresentada, entretanto, só em 1970). O motor mais forte (65cv a 4600rpm), graças à adoção de dupla carburação, atendia plenamente às solicitações decorrentes da maior capacidade de carga.
Com a Variant a VW passava a oferecer uma opção mais confortável de carro familiar. E começava a criar o princípio de manter o consumidor sempre fiel à mesma marca, apresentando uma linha mais ampla de veículos.

Outros veículos sugeridos: