Pastore Car Collection

ver filtros
Categorias
Fabricante
Ano
Opcionais

GM Opala De Luxo

Cancelar oferta

Oferta para o veículo Opala De Luxo 1972

Cancelar compartilhamento

GM Opala De Luxo

  • Informações Gerais

    Marca: GM
    Modelo: Opala De Luxo
    Ano Fabricação/Ano Modelo: 1972/1972
    Cor: Laranja Solar
    Portas: 2
    Quilometragem: 103.047
    Dimensões - Comp./Largura/Altura (mm): 4704/1757/1365
    Ocupantes: 5
    Valor: R$ 80.000,00

  • Mecânica e Segurança

    Combustível: Gasolina
    Motor: 2.5
    Potência: 80 CV
    Velocidade Máxima: 145 Km/h
    Câmbio: Manual - 4 Velocidades
    Tração: Traseira
    Aceleração 0-100km/h: 20 Segundos
    Freios: Disco Dianteiro e Tambor Traseiro
    Rodas: R14
    Direção Hidráulica: Sim

  • Acessórios/Opcionais

    Bancos: Couro
    Ar Condicionado: Sim

  • Informações Extra

    País de Origem: Brasil

ATENÇÃO! Devido a grande rotatividade em nosso estoque, se faz necessário a consulta diretamente em nossa loja para certificar de que o veículo ainda se encontra sob nossos cuidados. O valor do anúncio deve ser confirmado, pois o mesmo pode ter sido ajustado em nossa loja e ainda não ter sido modificado neste site. Obrigado pela compreensão. Pastore Car Collection.

Observações

Chevrolet Opala De Luxo 1972/1972 na cor Laranja Solar. Veículo em raro estado de conservação, com manual do proprietário, direção hidráulica e ar condicionado!

Aos primeiros anos do Opala, o motor quatro cilindros de 2509 cm3 (153 pol3) basicamente era uma versão 4 cilindros do Stovebolt Americano. Originalmente desenvolvido para equipar a linha básica do Chevrolet Nova de 1961.
Potência de 80 CV a 3800 rpm, com torque máximo de 18 kgfm a 2600 rpm, atingindo a velocidade máxima de 145 km/h.

Em 1972 a linha Opala seria acrescida do modelo coupé duas portas sem coluna (uma sensação), um “fastback de verdade” ou, o “genuíno Hard Top sem coluna” , como dizia o slogan da época. Neste ano o modelo SS 4 portas daria lugar ao SS de 2 portas coupé, o que deu um toque ainda mais esportivo ao carro. Neste mesmo ano a Chevrolet aboliria o motor 3800 CC de 6 cilindros, ficando em linha somente o 4100 CC de cilindros e o 2500 CC de 4 cilindros. O emblema que identificava o 6 cilindros 4100 ganhou nova forma e passou a ser aplicado no pára-lamas dianteiro. Em 1973 a linha ganhou novo acabamento interno e novas cores.

Outros veículos sugeridos: