Pastore Car Collection

ver filtros
Categorias
Fabricante
Ano
Opcionais

Toyota Supra MK3

Cancelar oferta

Oferta para o veículo Supra MK3 1990

Cancelar compartilhamento

Toyota Supra MK3

  • Informações Gerais

    Marca: Toyota
    Modelo: Supra MK3
    Ano Fabricação/Ano Modelo: 1989/1990
    Cor: Super Red
    Portas: 2
    Quilometragem: 76.898 milhas
    Dimensões - Comp./Largura/Altura (mm): 4620/1760/1300
    Ocupantes: 2+2
    Valor: R$ 240.000,00

  • Mecânica e Segurança

    Combustível: Gasolina
    Motor: 3.0L - 7M-GE I6
    Potência: 203 CV
    Velocidade Máxima: 209 km/h
    Câmbio: Automático - 4 velocidades
    Tração: Traseira
    Aceleração 0-100km/h: 6,8 segundos
    Freios: Disco nas 4 rodas
    Rodas: Liga Leve R16
    Airbag: Motorista
    Direção Hidráulica: Sim

  • Acessórios/Opcionais

    Faróis: Escamoteáveis
    Teto Solar: Teto Targa
    Bancos: Em couro - Regulagem elétrica para motorista
    Ar Condicionado: Sim - Digital
    Trio Elétrico (Vidro, trava e espelho elétrico): Sim
    Sistema de Som: Rádio AM/FM + Mini Disc - Sony
    Piloto Automático: Sim

  • Informações Extra

    País de Origem: EUA

ATENÇÃO! Devido a grande rotatividade em nosso estoque, se faz necessário a consulta diretamente em nossa loja para certificar de que o veículo ainda se encontra sob nossos cuidados. O valor do anúncio deve ser confirmado, pois o mesmo pode ter sido ajustado em nossa loja e ainda não ter sido modificado neste site. Obrigado pela compreensão. Pastore Car Collection.

Observações

Toyota Supra MK3 1989/1990 na cor vermelha Super Red. Veículo raro no Brasil, e nestas condições, em todo mundo. Com o excelente motor 6 cilindros em linha 7M-GE, interior em ótimo estado e ainda acompanhando manual do proprietário, folhetos de época da concessionária, assim como livros para manutenção do veículo.

Motor Dianteiro, longitudinal, 3.0 litros, 6 cilindros em linha, naturalmente aspirado; alimentado com gasolina rendendo 203 cv @ 6.000 RPM e 27,1 kgfm de torque @ 4.800 RPM.

Em fevereiro de 1986, os laços entre o Celica e o Supra foram cortados; eles eram agora dois modelos completamente diferentes. O Celica mudou para um layout de tração dianteira, usando a plataforma Toyota "T" associada ao Corona, enquanto o Supra manteve seu layout de tração traseira. O motor foi atualizado para um motor de seis cilindros em linha mais potente de 2.954 cm³ com 203 cv.

O novo motor usado no Supra da terceira geração era o Toyota 7M-GE. Ele foi o carro-chefe do arsenal da Toyota. Ambas as versões do motor continham 4 válvulas por cilindro comando duplos no cabeçote. O motor 7M-GE aspirado naturalmente foi avaliado em 203 cv a 6.000 rpm. Todos os modelos usavam o mesmo tamanho de pneu de 225/50 R16 em rodas de 16x7 polegadas.

O modelo naturalmente aspirado saía de fábrica com a transmissão manual W58, mas também tinha disponível opcionalmente a transmissão automática A340E de 4 velocidades.

O ACIS (Acoustic Control Induction System), método de controle dos pulsos de compressão do ar dentro da tubulação de admissão para aumentar a potência, também fazia parte do arsenal tecnológico do 7M-GE. Todos os modelos foram equipados com suspensão dianteira e traseira de duplo braço.

Para o ano modelo de 1990, as mudanças incluíram protetor maior nas rodas traseiras, linha de corte de giro mais baixa, volante redesenhado com controle de cruzeiro realocado para uma haste no lado direito. Além de airbag para motorista e uma luz indicadora de airbag no painel. O lado esquerdo do painel de interruptores também foi redesenhado, que substituiu um dos slots de moedas pelo dimmer de luminosidade do painel. A parte inferior do painel ganhou um design em duas peças. Em suma, a maior parte das mudanças do modelo entre 1989 e 1990 foram no interior no esportivo.

Outros veículos sugeridos: