Pastore Car Collection

ver filtros
Categorias
Fabricante
Ano
Opcionais
Vendido

VW Voyage LS

VW Voyage LS

  • Informações Gerais

    Marca: VW
    Modelo: Voyage LS
    Ano Fabricação/Ano Modelo: 1982/1983
    Cor: Branco Paina
    Portas: 2
    Quilometragem: 84.900
    Dimensões - Comp./Largura/Altura (mm): 4063/1601/1364
    Ocupantes: 5

  • Mecânica e Segurança

    Combustível: Gasolina
    Motor: 1.5
    Potência: 78 CV
    Velocidade Máxima: 148 Km/h
    Câmbio: Manual - 5 Velocidades
    Tração: Dianteira
    Aceleração 0-100km/h: 10 Segundos
    Freios: Disco Dianteiro e Tambor Traseiro
    Rodas: R13

  • Acessórios/Opcionais

    Sistema de Som: Rádio AM/FM

  • Informações Extra

    País de Origem: Brasil

ATENÇÃO! Devido a grande rotatividade em nosso estoque, se faz necessário a consulta diretamente em nossa loja para certificar de que o veículo ainda se encontra sob nossos cuidados. O valor do anúncio deve ser confirmado, pois o mesmo pode ter sido ajustado em nossa loja e ainda não ter sido modificado neste site. Obrigado pela compreensão. Pastore Car Collection.

Observações

Volkwagen Voyage LS 1982/1983 na cor Branco Paina. Veículo muito íntegro. Possui manual do proprietário.

Motor dianteiro de 4 cilindros e 1.471cm³ (1.5L) com potência de 78CV a 6100RPM e Torque de 11,5Kgfm a 3600RPM.

As versões de acabamento se chamavam "S" = Super, "LS" = Luxo Super e "GLS" = Gran Luxo Super.

O Voyage foi lançado em 1981 como o segundo modelo da nova família de compactos BX da VW. O primeiro foi o Gol, nascido no ano anterior. A perua Parati e a picape Saveiro viriam em 1982. Como no Fiat Siena em relação ao Palio, a montadora alemã também caprichou mais no sedã. Suas luzes de direção ladeavam os faróis e o motor era o 1.5 refrigerado a água do Passat. No hatch elas ficavam no pára-choque, deixando os faróis menores, e o propulsor era o mesmo 1.3 a ar do Fusca. O Gol esperou quatro anos para receber a novidade.

Em seu ano de estréia o Voyage foi eleito o Carro do Ano da Revista Autoesporte. Até para receber essa premiação o irmão mais velho precisou esperar (ganhou em 1990).
Home Voyage HISTÓRIA - VOLKSWAGEN VOYAGE (1981-1995)
HISTÓRIA - VOLKSWAGEN VOYAGE (1981-1995)
Gustavo do Carmo sábado, outubro 25, 2008

Viagem Histórica
Por Gustavo do Carmo / Fotos: Divulgação, Editora Três e Revista Quatro Rodas

O sedã da nova geração do Gol, lançado este ano, não resgatou apenas o nome Voyage. Trouxe de volta uma história que ainda deixa muitos dos seus fãs saudosos, mesmo a Volkswagen tendo relançado o nome. Afinal, o Voyage 2008 não é o mesmo Voyage do passado.
O Voyage foi lançado em 1981 como o segundo modelo da nova família de compactos BX da VW. O primeiro foi o Gol, nascido no ano anterior. A perua Parati e a picape Saveiro viriam em 1982. Como no Fiat Siena em relação ao Palio, a montadora alemã também caprichou mais no sedã. Suas luzes de direção ladeavam os faróis e o motor era o 1.5 refrigerado a água do Passat. No hatch elas ficavam no pára-choque, deixando os faróis menores, e o propulsor era o mesmo 1.3 a ar do Fusca. O Gol esperou quatro anos para receber a novidade.

Em seu ano de estréia o Voyage foi eleito o Carro do Ano da Revista Autoesporte. Até para receber essa premiação o irmão mais velho precisou esperar (ganhou em 1990).

Em 1983 o Voyage ganhou as primeiras modificações: motor MD270 1.6 a água com mais torque (também havia o 1.6 a ar), câmbio de quatro velocidades com sobremarcha econômica, o chamado 3+E, e a carroceria de quatro portas. Pena que, naqueles tempos, carros de quatro portas ainda eram vistos como táxi. Por isso o Voyage nessa configuração foi rejeitado e saiu do mercado brasileiro em três anos.
Suas vendas se encerraram de vez aqui no final de 1995 com a série especial Special. O objetivo foi abrir espaço para o Polo Classic, também fabricado lá, mas que nunca fez sucesso entre nós. O Voyage foi o único da família que não acompanhou a segunda geração do Gol.

Outros veículos sugeridos: